quarta-feira, 27 de setembro de 2006

Doçaria Sintrense VII

Mais docinhos...

Para além das famosíssimas Queijadas de Sintra, dos não menos famosos Travesseiros, dos Fofos de Belas, dos quase desconhecidos Agualvas, dos Parrameiros e das Nozes Douradas, o concelho de Sintra está recheado de outros doces não menos apetecíveis.
É o caso das Peras Pardas cozidas, as quais se tornaram um fenómeno de identidade cultural e uma referência emblemática do concelho, e cuja fama levou (e ainda leva) os nomes de Sintra e Colares aos quatro cantos do mundo. Por curiosidade, existe uma localidade no concelho de Sintra que se chama… Peras Pardas!

De referência obrigatória são também os pastéis da Pena, os secretos e pouco conhecidos pastéis da Cruz Alta, os bolos da Festa da Nossa Senhora da Graça de Almoçageme, os bolos da Festa de São Mamede de Janas, os suspiros e os pastéis de nata da Pastelaria Gregório (que cada vez mais rivalizam com os famosos pastéis de Belém), e ainda diversas compotas tradicionais fabricadas segundo métodos muito antigos.

Todos estes maravilhosos doces compõem a riquíssima gastronomia sintrense, ficando assim provado que, para além das idílicas paisagens, Sintra oferece iguarias maravilhosas!

Etiquetas: ,

5 Comments:

At 16:57, Blogger Nana said...

Com isto tudo, vou precisar de um mês inteiro para provar ou comer de novo estas especiaidades todas ! Ai a minha balança no regresso !...

 
At 10:45, Blogger greentea said...

nao sou grande fa de doces mas sei apreciar os posts e as receitas e acho que vale a pena divulgar...

gostava muito de ir as Quijadas da Sapa mas nao sei se ainda esta em obras.
bjs

 
At 10:41, Blogger Pandora said...

Os suspiros também fazem parte da minha infancia. Ai saudade, saudade!!

 
At 12:39, Anonymous cmmc said...

obrigada pelas receitas e suas histórias , já ajudou a contribuir para fazer um trabalho para um colégio da zona , obrigada

 
At 19:04, Blogger Lua said...

Fico mesmo muito contente! Qual é a escola... gostava tanto de ver o trabalho.
Se um dia precisarem de mais alguma coisa, é só dizer! Histórias não faltam...

 

Enviar um comentário

<< Home